Curiosidades sobre as Tartarugas Marinhas e Terrestres.

Todas as tartarugas, tanto aquáticas como terrestres, estão localizadas dentro da ordem Testudines, que é um grupo muito antigo, embora possuam diferenças anatômicas significativas com os registros fósseis encontrados. As tartarugas são animais peculiares, geralmente inofensivos, que sofrem as consequências do impacto das ações humanas, que colocam muitas espécies em riscos significativos.

Convidamos você a continuar lendo este artigo do Perito Animal para que você conheça diversas curiosidades sobre as tartarugas.

            7 CURIOSIDADES SOBRE A TARTARUGA MARINHA | 🐾 Pets Em Geral ...

Não têm dentes

Iniciamos essa lista de curiosidades sobre as tartarugas falando com uma dúvida bastante comum e já deixamos claro: as tartarugas não têm dentes, no entanto, isso não é de forma alguma uma limitação para se alimentar, já que algumas espécies, como a tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea), possuem estruturas de queratina no palato, ao redor da mandíbula e até no esôfago, que as ajudam a reter e processar o alimento.

Por outro lado, diversas espécies, como a tartaruga-verde (Chelonia Mydas), que não tem dentes e nem as estruturas de queratina antes mencionadas, contam com a forma dentada que sua mandíbula possui para segurar as algas ou a vegetação da qual se alimentam quando são adultas.

Não possuem cordas vocais

Uma das curiosidades das tartarugas marinhas e terrestres mais surpreendentes é que carecem de cordas vocais, no entanto, isso não as impede de emitir diversos tipos de sons para se comunicar. Embora não possamos ouvir claramente os sons produzidos por esses animais, eles produzem, na verdade, de diferentes tipos e frequências. Por exemplo, as tartarugas emitem certos sons, principalmente durante o momento da copulação.

Não têm orelhas

Outra curiosidade sobre as tartarugas é que elas não possuem ouvido externo, ou seja, não têm orelhas, mas possuem um sistema auditivo composto por ouvido médio e interno, o que lhes permite ouvir. Outra característica é que seu tímpano, ao contrário de outros répteis, está rodeado pelo labirinto ósseo e não por escamas.

Nesse sentido, apesar de as tartarugas não terem orelhas, elas não só conseguem ouvir, mas também se comunicam por diversos tipos de sons e frequências como mencionamos anteriormente.

O casco é parte da coluna vertebral

A característica mais distinta dos Testudines é, sem dúvida, seu peculiar casco, que proporciona certa proteção contra alguns predadores e golpes, embora a dureza varie de uma espécie para outra. Essa estrutura não é um exoesqueleto, é uma modificação da caixa torácica do animal, que também faz parte da sua coluna vertebral e das costelas.

Essa estrutura em muitas espécies é formada por diversos ossos e uma espessa cobertura de queratina, com exceção de alguns casos, nos quais o casco é mais macio porque é constituído por uma camada grossa de pele.

Nem todas têm o mesmo tipo de pescoço

Todas as tartarugas são agrupadas na ordem Testudines, mas são divididas em duas subordens:

  • Pleurodira (pescoço lateral): são aquelas tartarugas que podem mover a cabeça para os lados, já que as vértebras do pescoço se flexionam lateralmente.
  • Cryptodira (pescoço oculto): neste grupo estão aqueles que são capazes de retrair a cabeça para dentro da carapaça, porque neste caso as vértebras do pescoço podem se flexionar verticalmente.

Existem espécies gigantes

Dentro das tartarugas terrestres existe um grupo de 12 espécies vivas que são conhecidas como tartarugas-gigantes-de-Galápagos, sendo as maiores tartarugas que existem atualmente. Embora, como mencionamos, existem várias espécies, algumas destas podem pesar cerca de 400 kg e medir 1,8 metros.

Também existe outra espécie gigante que vive em um arquipélago no oceano Índico, que é conhecida como tartaruga-gigante-de-Aldabra (Aldabrachelys gigantea). Esta espécie é a mostrada na imagem.

 

Curiosidades sobre as tartarugas - Existem espécies gigantes


You may also like

Ver todo
Example blog post
Example blog post
Example blog post